Blog Beija Flor

5 DOENÇAS DE GATOS MAIS COMUNS E COMO PREVENI-LAS

24/06/2019 por Administrador
Visualizacoes: 76

Peritonite Infecciosa Felina (PIF)

Essa doença é causada pela mutação do Coronavírus entérico, acometendo diversos sistemas do organismo, gerando processo inflamatório e granulomas nesses locais. A transmissão do Coronavírus entérico pode ocorrer quando gatos saudáveis entram em contato com as fezes de felinos contaminados; quando esses felinos passam por situações de estresse ou imunossupressão, o Coronavírus entérico pode sofrer uma mutação e gerar a doença Peritonite infecciosa Felina.
Entre os principais sintomas da doença estão a perda de apetite, diarreia, abdômen distendido por efusão abdominal, dificuldade respiratória por efusão pleural, icterícia e febre constante. A PIF é fatal, não existindo nenhum tipo de cura para ela.

Vírus da imunodeficiência felina (FIV)

A FIV é uma doença que ataca somente os felinos e é caracterizada pela diminuição drástica das capacidades imunitárias. Devido a isso, é conhecida como aids felina. A transmissão ocorre pela inoculação do vírus, comumente durante brigas.
Os principais sintomas são emagrecimento, falta de apetite, diarreia, susceptibilidade a infecções secundárias e neoplasias. Assim como a aids dos seres humanos, a FIV não possui cura, apenas tratamento que visa reduzir a replicação viral — mas os gatos podem viver com o vírus por muitos anos sem manifestar sinais da doença. Por isso a importância de testar todos os gatos para essa doença em alguns momentos da vida

Diabetes

As doenças de gatos podem se assemelhar com as dos seres humanos! Assim como nas pessoas, a diabetes felina é causada pelo nível elevado de glicose no sangue. Com isso, o pâncreas não consegue produzir insulina e fazer a regulagem do nível de açúcar no organismo.
Ingestão excessiva de água, aumento do volume urinário, perda de peso e apetite aumentado são sintomas característicos da diabetes. Porém, é preciso ressaltar que ela se evidencia principalmente em gatos obesos, por isso a importância do controle de peso dos felinos. É uma doença que possui tratamento e controle, através do uso da insulina e dieta adequada.

Herpesvírus felino

Essa doença é comum em locais que possuem uma grande quantidade de gatos, sendo transmitida através do vírus da herpesvirus felino 1; faz parte do Complexo Respiratório Felino.
Os principais sintomas são espirros, secreções nasal e ocular, úlceras de córnea e falta de apetite. A doença possui controle e pode ser evitada através da separação entre os gatos contaminados e aqueles que estão saudáveis e vacinação adequada. Evitar situações de estresse também diminuem risco de reativação viral.

Vírus da leucemia felina (FeLV)

Assim como a FIV, a FeLV também retira gradualmente a capacidade de defesa do sistema imunitário dos gatos. Também conhecida como Leucose Felina, ela também está associada ao desenvolvimento de leucemias mortais e tumores. Sua forma de transmissão se dá pela saliva principalmente, através do comportamento de lambedura entre os gatos; pode ocorrer transmissão da fêmea para o filhote.
Os sintomas estão associados a infecções crônicas, anemia, emagrecimento, perda de apetite, diarreia, icterícia e óbito. Alguns gatos não manifestam a doença mas tornam-se portadores do vírus, que pode ser ativado facilmente quando o sistema imunitário estiver debilitado, além do aumento à susceptibilidade à neoplasias. Por isso a importância de visitar uma Clínica Veterináriaregularmente e realizar o teste para esse vírus em alguns momentos da vida.
Percebeu como é importante conhecer as doenças de gatos? Além de ajudar o seu animal de estimação, você poderá evitar que a enfermidade cause consequências mais sérias! Gostou do post? Então, compartilhe com seus amigos para que todos fiquem atentos aos sintomas das doenças e possam ajudar seus gatos!